Defesa Chaparini

Coletivo de Comunicação da CUT-RS debate campanha pela valorização dos sindicatos

Grupo objetiva mostrar a importância das entidades sindicais para a proteção dos direitos da classe trabalhadora Grupo objetiva mostrar a importância das entidades sindicais para a proteção dos direitos da classe trabalhadora Foto: Divulgação

Profissionais de imprensa e dirigentes de vários sindicatos e federações filiadas à CUT debateram a necessidade de promover uma campanha de defesa e valorização dos sindicatos, durante a retomada das reuniões do Coletivo de Comunicação da CUT-RS, realizada na tarde de quinta-feira, dia 3, em Porto Alegre. Novo encontro já foi agendado para o dia 1º de setembro, às 14h, na sede da entidade.

 

O objetivo da campanha, que está em fase de construção, é mostrar a importância das entidades sindicais para a proteção dos direitos das categorias e da classe trabalhadora, como forma de enfrentar o impacto da lei 13.467/2017 (a chamada reforma trabalhista), fortalecer a organização nos locais de trabalho, estimular o aumento das sindicalizações de trabalhadores e garantir a sustentação financeira das entidades.

 

“A 15ª Plenária Estadual da CUT-RS apontou para a realização de uma campanha de defesa e valorização dos sindicatos, frente à conjuntura de golpe, de acirramento da luta de classes e de ataques aos direitos sociais e trabalhistas, através de políticas neoliberais que visam desmontar os sindicatos e democracia”, afirmou o secretário de Comunicação da CUT-RS, Ademir Wiederkehr.

 

1º Encontro Gaúcho pelo Direito à Comunicação

 

A organização do 1º Encontro Gaúcho pelo Direito à Comunicação (EGDC), que está sendo construído pelo Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC), também foi discutida. O evento deverá ser realizado no final de outubro, ainda sem data definida.

 

“Pretendemos fazer um grande debate sobre a comunicação, denunciar a manipulação da mídia golpista, lutar pela democratização, fortalecer a mídia independente, pensar a comunicação como um direito humano e envolver sindicatos, movimentos sociais e universidades, especialmente professores e estudantes de comunicação”, disse Ademir.

 

Na próxima reunião, já com a definição da data e do local, a ideia é organizar oficinas e debates, buscando ampliar a participação das entidades sindicais.

 

Parceria da CUT-RS e TVT completa um ano

 

O primeiro aniversário da parceria da CUT-RS com a TVT e o Correria, que produz vídeos para o Seu Jornal (19h-19h45) na TVT, foi destacado por Ademir. Iniciada em 1º de agosto de 2016, a experiência propiciou reportagens sobre diferentes temas e mobilizações, dando visibilidade nacional para lutas que muitas vezes são ignoradas pela mídia tradicional.

 

O repórter Guilherme de Oliveira, do Correria, ressaltou a importância de fortalecer esse espaço, citando os sindicatos e federações que auxiliam para a manutenção da parceria, que já serve de exemplo para levar a TVT para outros Estados.

 

“É um espaço muito importante para mostrar o RS na TVT, enquanto seguimos na fila para ter uma retransmissora no Estado. Queremos potencializar cada vez mais a TVT para reforçar a comunicação dos trabalhadores e enfrentar os monopólios e oligopólios da mídia”, frisou o dirigente da CUT-RS.

 

Os vídeos que vão ao ar no Seu Jornal podem ser assistidos nos sites e no Facebook da TVT e da CUT-RS.

 

Seja assinante de mídia independente

 

A campanha de assinantes de veículos da mídia alternativa e independente também foi discutida na reunião, como forma concreta de contribuir para a sobrevivência desses instrumentos. “Não podemos permitir que fechem revistas, como a Carta Capital, sites e blogs que vem cumprindo importante papel na resistência ao golpe e na divulgação de informações com credibilidade, que os outros não dão ou manipulam. Por isso, é importante fazer pelo menos uma assinatura para sustentar essa nova mídia, construída com muitas dificuldades por jornalistas comprometidos com a democracia e a liberdade de expressão”, observou Ademir.

 

Novo portal da CUT

 

Também foram colhidas sugestões para a reunião do Coletivo Nacional de Comunicação da CUT, que ocorre na próxima terça e quarta-feira, dias 8 e 9 de agosto, em São Paulo, onde estará em pauta a reformulação do portal da CUT.

 

O secretário de Comunicação da CUT-RS ainda destacou o segundo ano de circulação do jornal Brasil Popular, com tiragem quinzenal, em Brasília. “Assim como o jornal Brasil de Fato, que é impresso em algumas capitais, o Brasil Popular é uma boa experiência, que está sendo acompanhada para a construção de uma futura parceria”, disse Ademir.

 

“A comunicação tem que ser encarada pelo conjunto do movimento sindical como prioridade não somente no discurso, mas principalmente com ações práticas e investimentos”, concluiu o dirigente da CUT-RS.

 

Fonte: CUT-RS

Imposto Sindical - GRCSU

 

Mensalidades do Sócio - Pagamento de Mensalidade SINDJORS

Subir