Banner do topo

Seminário discute atuação da mídia independente e repudia prisão de Matheus Chaparini

Ao lado de Chaparini, presidente do SINDJORS faz leitura da moção de repúdio Ao lado de Chaparini, presidente do SINDJORS faz leitura da moção de repúdio Foto: Caco Argemi

O jornalista Paulo Salvador, coordenador da Rede Brasil Atual e TVT, e a diretora executiva do Sul21, Carmen Crochemore, defenderam a necessidade de atuação em rede ao abordaram os problemas enfrentados pela mídia independente, durante a mesa temática Mídia Alternativa e ativismo digital, no segundo e último dia do Seminário Estadual Comunicação, Democracia e Resistência, na manhã de sexta-feira (2), no auditório da Fetrafi-RS, em Porto Alegre.

 

“Precisamos debater cada vez mais a mídia”, ressaltou Salvador, que elenca entre os principais pontos de luta a necessidade da regulação da mídia e efetivamente agir. Para ele, existem muitos desafios e é preciso discutir a luta da esquerda.

 

Ele contou que pesquisa recente, por exemplo, indica que mais de 50% da população não sabe o que é reforma trabalhista. “Existe a necessidade de ampliar os conceitos para além dos ambientes em que estamos”, salientou. Conforme Salvador, é preciso uma frente unificada de trabalho e a Rede Brasil Atual é exemplo disso, pois une centrais sindicais para dar visibilidade para as pautas dos trabalhadores.

 

Carmen falou sobre a experiência do Sul21, que surgiu em 2010 a partir da iniciativa de jornalistas independentes “assumindo uma posição de esquerda, sem a máscara de imparcialidade”. A imprensa livre, que cumpre o papel de informar, é impulsionada pela alternativa da mídia digital. Ela comparou a luta diária do veículo com a história de Asterix – poucos gauleses num embate com milhares de romanos.

 

Os problemas financeiros do veículo foram referidos. O Sul21 não conseguiu se sustentar com receita de publicidade e está lançando uma campanha de assinaturas. “O modelo de financiamento viável é por meio dos leitores”, ressaltou. “Nosso leitor é muito exigente, quer uma informação desvinculada dos interesses da grande mídia”, acrescentou.

 

Moção de repúdio ao governo Sartori

 

Após as exposições dos painelistas, houve debates. O presidente do Sindicato dos Jornalistas do RS, Milton Simas, propôs uma moção de repúdio ao governo do Estado e de apoio ao jornalista Matheus Chaparini, que foi preso durante o exercício da profissão na desocupação de estudantes secundaristas no prédio da Secretaria da Fazenda. O documento cobra o arquivamento do caso e um pedido de desculpas formal do governador Sartori.

 

Desde o inicio da operação deflagrada pela Brigada Militar, o repórter do Jornal Já se identificou e, mesmo assim, foi preso juntamente com os estudantes e com o cinegrafista independente Kevin D’Arc, de São Paulo, e responde na Justiça por quatro crimes.

 

“Este tipo de manifestação é bem importante, pois é uma batalha que é policial, mas também é política”, ressaltou Chaparini, que estava presente e emendou: “Não é um ataque a uma pessoa, mas a uma categoria inteira”.

 

Imprensa / Sindjors

Última modificação em Sábado, 03 Dezembro 2016 16:09

Notícias - Tags

2ª Jornada Literária 36º Congresso Estadual dos Jornalistas 63ª Feira do Livro de Porto Alegre aceg acordo coletivo Artigos assembleia assembleia legislativa audiência pública Brasileiros em Pauta Campanha de Negociação Coletiva 2014 Caxias do Sul chaparini cinebancários cinema comdim Comitê Gaúcho do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação comunicação Concursos Concurso TVE e FM Cultura Conferência Livre de Comunicação em Saúde congresso nacional dos jornalistas convênios corsan cultura curso de extensão cursos CUT cutrs debate delegacia regional delegado sindical diretas já EBC Edital eleição Eleição SINDJORS 2016 Encontro Gaúcho pelo Direito à Comunicação Entrevistas evento Exposição falecimento FENAJ Fernando Antônio Lemos Goulart FNDC formatura fotografia fundação piratini Fundação Universidade de Caxias do Sul (FUCS) fundações fórum social das resistências greve geral imprensa I Seminário Estadual Saúde do Trabalhador jornalismo Jornalismo e o golpe na política Jornalismo na Mídia Juremir Machado da Silva, Denise Mantovani e Moisés Mendes Júlia Goulart livro machismo manifestações machistas matheus chaparini Michel Temer Moisés Mendes, Juremir Machado da Silva e Denise Mantovani mulher Mulheres Jornalistas Mídia Julgadora Notas Oficiais núcleo de aposentados ocupação palestra pec 241 pesquisa porto alegre previdência prêmio Prêmios Jornalismo racismo record reforma da previdência reforma trabalhista revolução russa rio grande Rádio Galera salário sartori seminário Serra Gaúcha sexismo sindbancários Sindicato sindicato de São Paulo sindicato Distrito Federal sindjors UCSTV Vagas de Emprego versão dos jornalistas violência violência policial

Imposto Sindical - GRCSU

 

Mensalidades do Sócio - Pagamento de Mensalidade SINDJORS

Subir